6 bandas maquiadas

kidss

Uhuul! Viva nois!!

Uma das coisas que mais me fascina em uma banda é a sua originalidade. Seja pela forma engenhosa como os músicos executam seus instrumentos, pelas letras das canções ou pelo estilo dos caras. E se tem um “algo” que realmente chama a minha atenção é o uso de maquiagem que alguns grupos fazem. Na listinha da semana escolhi 6 bandas que pintam (ou pintavam) seus rostinhos para sensualizar ainda mais nos palcos. Peguem seus batons, sombras, delineadores e vamos lá!

Twisted Sister –  A banda de Dee Snider que aterrisa por aqui neste mês no festival Live N Louder, tinha como característica marcante maquiagem e figurinos extravagantes. Formada em 1972 na cidade de Nova York a banda alcançou sucesso apenas em 1984 com o consagrado álbum Stay Hungry, que traz clássicos como I Wanna Rock, The Price e We’re Not Gonna Take It. Atualmente os caras se apresentam sem maquiagem e as roupas espalhafatosas que tanto fizeram sucesso nos anos 80. Mas Snider continua ostentando sua cabeleira loira a la Joelma do Calypso.

Twisted_Sister_The_Essentials

Era assim que os caras tocavam nos 80´s. Gatos, não?

dee

Dee Snider com ou sem maquiagem? Olha, eu prefiro a morte viu…

Mötley CrüeQuando olho pra capa de Shout at the Devil a impressão que tenho é de que se trata de uma banda de mulheres, tamanha maquiagem que os caras usaram na foto, especialmente o vocal  Vince Neil e o batera Tommy Lee que mais pareciam candidatas ao extinto “Garota do Fantástico”.  Naquela época além das maquiagens os caras também usavam cabelos armadões e salto alto, mais glam, impossível! Hoje já tiozinhos e ostentando uns quilinhos a mais (no caso de Vince Neil já que Tommy está mais para uma lombriga com artrite), os “rapazes” estão com a imagem mais, digamos, masculinizada, (com exceção de Nikk Six que parece que visualmente resolveu virar emo) risos.

Motley-Crue-Shout-At-The-Devil5

Mötley: banda de hard rock de garotas?

collage

Vince Neil: De garota do fantástico a cover do Ovelha de chapinha, enquanto  Nikk Six seduz de tiozinho emo.

Manic Street Preachers – O Manics é o caso da banda em que nem todos os integrantes se renderam ao blush e ao pó de arroz. Na verdade os representantes “glam” do grupo britânico eram o guitarrista  Richey James e o baixista Nicky Wire (que segundo as más línguas viviam um romance, ou aparentavam viver). Nos olhos, muito delineador e sombra, e na boca um batonzinho básico, isso quando eles não pintavam outras partes do corpo com mensagens de protesto. Atualmente o simpático baixista ainda exibe um pouco de maquiagem durante as apresentações da banda. Já Richey… Esse, só Deus sabe por onde anda…

richey-nicky--large-msg-122779139791

Representantes “glam” do Manics, o “casal” fofo Richey & Nicky.

richey-edwards-was-interviewed-by-david-

Richey se preparando pra tocar e já no palco, depois da produção.

Secos & Molhados –  Eu não poderia deixar de fora uma verdadeira referência quando o assunto é maquiagem em bandas, ainda mais por se tratar de uma nacional. Criado no começo dos anos 70 o grupo teve sua formação clássica entre os anos de 1973 e 1974, que contava com Ney Matogrosso (vocal) João Ricardo (vocal, violão e harmônica), e Gérson Conrad (vocal e violão). Os caras usavam muita maquiagem e roupas bem ousadas e faziam uma performance um tanto quanto provocativa (dancinha do Ney ♥).

Atualmente  sem maquiagem, a banda conta com João Ricardo (fundador e membro original) e Daniel Iasbeck, e lançou em novembro de 2011 o álbum autobiográfico “Chato-boy”.

Poison –  Uma dúvida sempre me assolou: Quem são as modelos que posaram pra capa do Look What the Cat Dragged In do Poison? Sim porque são lindas modelos, não? NÃO? COMO ASSIM? Risos. Taí mais uma capa que olhando de primeira dá a nítida impressão de que se trata de quatro belas mulheres, tamanha a produção carregada na make. O destaque e a coroa de Miss Universo vai, sem dúvida nenhuma, pro batera Rikki Rockett que caprichou na duck face e no delineador! (Sempre quis pintar meu olho assim, chateada!). Hoje os caras ostentam um visual assustador com os cabelos espetados que deixam suas cabeças infinitamente maiores, quem sabe na esperança de parecerem mais jovens, (o botox do Bret Michaels que o diga né?).

03Poison-Look-What-the-Cat-Dragged-In

Arrasaram na make, meninas!

poisonbandiveio

Poison: de belas modelos à tiozinhos cabeçudos.

Kiss – Eu confesso que tentei (odeio lista clichê), mas não consegui deixar o Kiss de fora e nem tem como. Quando pensei nesse tema os caras foram os primeiros a virem na cabeça e realmente é inegável a perfeição da maquiagem que a banda usa. A minha única dúvida é se eles ficam menos feios com ou sem a maquiagem porque olha, é complicado o negócio viu, risos. Além da maquiagem bem carregada e muito bem feita os caras se apresentam com roupas e sapatos bastante exagerados. Quem nunca viu aquelas botas com 2 metros de salto (muito parecida com as botas de camurça vendidas em surf-shops, risos)?? A banda sempre se apresentou assim, desde sua criação nos anos 70. Chegaram a tocar um tempo sem maquiagem, mas no final dos anos 90 voltaram com o clássico visual que agrada os fãs até hoje.

Kiss8

O visual clássico do Kiss, do qual aliás eu morria de medo quando criança.

simmons-304

É muito complicado decidir de que jeito eles ficam menos feios, né não? Risos.

***********************

É isso aí, por hoje é só, amiguinhos! =)

***********************

Postado ao som da banda Coven, com o álbum Blood on the Snow (1974)

Anúncios

Sobre rosegomes

Rose,Tia Rose, Desert Rose ou só Desert, como quiser. Estudante de jornalismo, amante de boa música e boa bebida. Traz no currículo a pretensão de ser um Fábio Massari de saias. Contato: cademeuwhiskey@gmail.com
Esse post foi publicado em Listas, Música e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para 6 bandas maquiadas

  1. Addy disse:

    kkkkkkkkk gostei das suas comparações…..cover do Ovelha de chapinha, rachei!!! kkkk
    Essas bandas de glam rock são ou era uma viadagem só….rsrs (agora, como diz o Jô Soares, tem que falar “viadagem descendente”) , claro que nem todos eles eram gays, acho que era mais estilo e vaidade na maioria dos casos. Bjs.

    Curtir

  2. Tairon disse:

    As minhas prediletas então ae. so me faltou Misfits!
    Parabéns.

    Curtir

  3. Junior E. disse:

    David Bowie se encaixa aí em algumas fazes de sua vida.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s